Skip to main content
  • Violões de neon iluminados na Beale Street em Memphis, no Tennessee
    Ver mais

    Uma saudação ao passado e ao presente em Memphis, no Tennessee

  • King Biscuit Blues Festival, um evento icônico em Helena, no Arkansas
    Ver mais

    Helena, no Arkansas: uma cidade pequena com uma grande história de Blues

  • Exposição sobre Big Mama Thornton no Delta Blues Museum em Clarksdale, no Mississippi
    Ver mais

    Figuras lendárias do Blues e festivais cercam a cidade de Clarksdale, no Mississippi

  • A casa onde cresceu o dramaturgo Tennessee Williams em Columbus, no Mississippi
    Ver mais

    A história está em toda esquina em Columbus, no Mississippi

  • Local de nascimento de Elvis Presley em Tupelo, no Mississippi
    Ver mais

    Siga os passos do jovem Elvis Presley em Tupelo, no Mississippi

  • Apresentação no W.C. Handy Music Festival em Florence, no Alabama
    Ver mais

    O berço do estilo em Florence e Muscle Shoals, no Alabama

O mito do Blues B.B. King, nascido em Mississippi, se apresenta em Memphis, no Tennessee
Ver mais

Sons do Delta

  • Distância da rota:
    684,00 km
  • Tempo recomendado:
    5 dias

Celebração de uma forma de arte norte-americana

Existem algumas regiões que impulsionaram a fama de muitas estrelas da música, como o Delta do Mississippi. Nesse caldeirão cultural de escravos e agricultores, surgido do desespero, nasceu o Blues. Dos campos nasceu o Gospel. De vigaristas e parceiros improváveis, surgiu o Rock ’n’ Roll e Soul. Trilhas designadas como a Bridging the Blues e a Mississippi Blues Trail o levará aos campos, barracões e estúdios inacreditavelmente pequenos que nos fazem lembrar de onde veio essa forma de arte única norte-americana, enquanto os festivais e casas de show apresentam uma nova geração de músicos com raízes norte-americanas.

01
Violões de neon iluminados na Beale Street em Memphis, no Tennessee
Ver mais

Uma saudação ao passado e ao presente em Memphis, no Tennessee

Saia do Aeroporto Internacional de Memphis para conhecer o berço de vários gêneros musicais norte-americanos: do rock ’n’ Roll, passando pelo soul, até o Blues. Essa cidade é uma aula de história sobre música, apesar de ser mais conhecida como a cidade natal de Elvis Presley. Primeiro, siga para a Union Avenue e faça uma excursão pelo Sun Studios, onde Elvis gravou sua primeira música, e depois visite Graceland, o complexo fruto de seu estrelato, que fica a 10 minutos de distância.

Faça uma parada no Stax Museum of American Soul Music (Museu Stax da Música Soul Americana), antiga Stax Records, onde Rufus Thomas, Otis Redding e Isaac Hayes se lançaram para a fama. Conheça a história e tente não dançar enquanto caminha pelas exposições. Na Beale Street, que fica nas proximidades, assista a um show no B.B. King’s Blues Club, e depois siga a Brass Note Walk of Fame, um caminho com 150 notas incrustadas na calçada e gravadas com os nomes dos ídolos musicais de Memphis. Escute à épica playlist do Memphis Rock ’n’ Soul Museum (Museu Rock ’n’ Soul de Memphis) enquanto aprecia os artefatos. Adicione uma excursão a pé com áudio pela Beale Street para imaginar as bandas de jazz e jug, e passeie pela Memphis onde vivia W.C. Handy, o artista que deu ao Blues a sua forma moderna. Sintonize nas estações de rádio de Blues, Gospel e Rockabilly no caminho para Helena.

Mais informações
113 km
2 horas de carro
02
King Biscuit Blues Festival, um evento icônico em Helena, no Arkansas
Ver mais

Helena, no Arkansas: uma cidade pequena com uma grande história de Blues

No centro da cidade de Helena, siga rumo à histórica Cherry Street, o coração desta pequena e charmosa cidade repleta de música. No Delta Cultural Center, você pode conhecer um pouco dos músicos do Delta, como Sonny Boy Williamson, ao ouvir as estações de rádio e, assim, treinar seu ouvido para as tradições de Blues e Gospel da região. Para aproveitar a experiência ao máximo, programe sua visita de acordo com a transmissão ao vivo do centro do programa de rádio King Biscuit Time apresentado por “Sunshine” Sonny Payne, membro do Blues Hall of Fame, desde 1951. Você também pode assistir à transmissão do programa de rádio Delta Sounds, que é do próprio centro e apresenta uma seleção de Blues, Gospel, Rockabilly e country. Quando você estiver no clima de festa, vá para o King Biscuit Blues Festival (Festival de Blues King Biscuit) no começo de outubro. O evento dura quatro dias e oferece uma variedade de apresentações; alguns dos artistas que já se apresentaram são Bobby Rush, Robert Cray e Greg Allman. Quando estiver satisfeito, siga a U.S. 49 e vá para o sul, rumo a Clarksdale.

Mais informações
48 km
1 hora de carro
03
Exposição sobre Big Mama Thornton no Delta Blues Museum em Clarksdale, no Mississippi
Ver mais

Figuras lendárias do Blues e festivais cercam a cidade de Clarksdale, no Mississippi

A famosa história musical de Clarksdale está muito viva nos locais, trilhas e outros marcos que a cidade preservou com orgulho. Para realmente explorar a região do Delta da Mississippi Blues Trail (Trilha do Blues de Mississipi), Clarksdale é um bom ponto de partida, com apresentações noturnas de Blues ao vivo e eventos animados, incluindo o Juke Joint Festival  em abril e o Sunflower River Blues and Gospel Festival em agosto. Veja as ruínas da cabana de Muddy Waters e as guitarras de John Lee Hooker no Delta Blues Museum (Museu do Blues no Delta). A uma curta distância, visite o Rock & Blues Museum (Museu de Rock e Blues) , repleto de itens exclusivos, e a Cat Head Delta Blues & Folk Art, uma loja para curiosos e admiradores de Blues. Caminhe até Greenwood e deixe Sylvester Hoover, um nativo do Delta, mostrar a você onde Robert Johnson viveu, se apresentou e morreu nestas Excursões das Figuras Lendárias do Blues do Delta. Após uma viagem de uma hora de carro a Indianola, você chegará ao B.B. King Museum (Museu do B.B. King) e o Delta Interpretive Center (Centro Interpretativo do Delta), que mostra detalhes da vida de King, desde quando era um agricultor até se tornar um ícone. Para celebrar tudo isso, siga para Greenville para o Mississippi Delta Blues and Heritage Festival (Festival da Tradição e do Blues do Delta do Mississippi) em setembro ou o Mighty Mississippi Music Festival (Festival de Música Mighty Mississippi) em outubro. Quando estiver indo embora, compre um sanduíche de churrasco com batatas fritas no Abe’s Bar-B-Q para a viagem até Columbus.

Mais informações
267 km
3 horas de carro
04
A casa onde cresceu o dramaturgo Tennessee Williams em Columbus, no Mississippi
Ver mais

A história está em toda esquina em Columbus, no Mississippi

A leste da região do Delta do Mississippi, a história de Columbus ainda vive em seus distritos animados, locais históricos, arquitetura e celebridades. As placas do Blues Trail (Cirtuito do Blues) podem ajudá-lo a se orientar pela cidade. Faça uma parada na casa onde o dramaturgo Tennessee Williams, vencedor de um Prêmio Pulitzer, cresceu na Main Street. Depois, maravilhe-se com a robusta arquitetura low-country de The Haven, construído em 1843 por dois negros livres e localizado no distrito histórico. Faça uma excursão pela mansão Whitehall, que já foi um hospital de guerra, para ver um exemplo do (muitas vezes expansivo) design residencial do período. Se você visitar na época da primavera, o Spring Pilgrimage anual de Columbus oferece excursões pelas casas e igrejas, passeios de carruagens e o festival Catfish in the Alley. Esse dia de música Blues ao vivo e peixe frito em homenagem ao antigo Catfish Alley de Columbus, um distrito afro-americano destino de pescadores e palco para os músicos de Blues. Não siga para Tupelo sem experimentar um mint julep, coquetel que é a marca registrada de Columbus e é distribuído gratuitamente no festival.

111 km
1 hora de carro
05
Local de nascimento de Elvis Presley em Tupelo, no Mississippi
Ver mais

Siga os passos do jovem Elvis Presley em Tupelo, no Mississippi

Tupelo conecta você a um jovem Elvis Presley e ao espírito indomável dos músicos pioneiros de Blues. Você definitivamente precisa fazer uma excursão pelo local onde Elvis Presley nasceu e observar o contraste entre essa modesta casa de dois quartos e as dimensões épicas de Graceland. Enquanto estiver lá, entre na igreja que Presley frequentava na infância que foi mudada para cá, e você ouvirá um jovem Elvis cantando “Jesus Loves Me”. Leia os depoimentos dos amigos e da família sobre ele no Mural de Histórias. Em junho, o Tupelo Elvis Festival apresenta músicos locais e de todo o país, incluindo um show Gospel no domingo e um Concurso de Tributo ao Elvis. Depois de aproveitar tudo isso, compre um dough burger no Johnnie’s Drive-In, um favorito dos moradores locais e onde você pode se sentar e conversar com eles. Faça uma aparada no antigo Shake Rag, um ponto de encontro para músico afro-americanos que estavam viajando, antes de seguir viagem para Muscle Shoals.

145 km
2 horas de carro
06
Apresentação no W.C. Handy Music Festival em Florence, no Alabama
Ver mais

O berço do estilo em Florence e Muscle Shoals, no Alabama

Assim como Memphis patenteou o estilo Memphis Sound, o Muscle Shoals Sound é o que diferenciou essa região. Nos anos 60, uma sucessão de sucessos Nº. 1 nas paradas de estúdios de gravações locais fez com que a cidade ficasse conhecida como a capital do mundo de gravações de hits. As paradas padrão de uma excursão aqui são o FAME Studios, um dos maiores produtores do estilo e ainda em operação, e o Alabama Music Hall of Fame em Tuscumbia, que exibe as maiores figuras do estado na indústria por meio de exposições e de uma Calçada da Fama. Siga para Florence para ver a cabana onde o “pai do Blues” nasceu no W.C. Handy Birthplace, Museum and Library (Local de nascimento, Museu e Biblioteca de W.C. Handy). Considere visitar a cidade em julho, por conta do W.C. Handy Music Festival, quando 10 dias de música ao vivo animam Florence.  Se você quiser ouvir música ao vivo em um dos lugares mais inusitados do Sul, vá para o Tuscumbia’s Rattlesnake Saloon. Você será levado para a traseira de uma picape, conduzido por uma estrada de terra e descobrirá um divertido bar e salão de dança de faroeste sob uma grande, porém rasa, caverna. Esse é o melhor jeito de encerrar sua jornada antes de seguir para o Aeroporto Internacional Birmingham-Shuttlesworth.