Skip to main content
  • Ação em dia de corrida no Charlotte Motor Speedway em Charlotte, na Carolina do Norte
    Ver mais

    Primeira parada: Charlotte, Carolina do Norte

  • Anoitecer na Fayetteville Street, em Raleigh
    Ver mais

    Cultura em Raleigh, na Carolina do Norte

  • Caminho pela Big Walker Mountain Scenic Byway até Big Walker Lookout e Monster Rock em Wytheville, na Virgínia
    Ver mais

    Diversão de cidade pequena em Wytheville, na Virgínia

  • Heartwood Artisans Center, local que reúne artesanato, música, gastronomia e cultura em Abingdon, na Virgínia
    Ver mais

    Abingdon, Virgínia: mistura de carros, música e artes visuais

  • Vista aérea do Bristol Motor Speedway em Bristol, no Tennessee
    Ver mais

    Bristol, Tennessee: a mais rápida meia milha

  • Vistas incomparáveis das Great Smoky Mountains, que tem Knoxville, no Tennessee, como uma das portas de entrada
    Ver mais

    História e diversão em Knoxville, no Tennessee

  • Barris cheios de uísque preparado à moda moonshine, não envelhecido, da Troy & Sons na Asheville Distilling Co. em Asheville, Carolina do Norte
    Ver mais

    Asheville, Carolina do Norte: a linha de chegada

O encanto da destilaria na Appalachian Mountain Spirits, entre Abingdon e Wytheville, na Virgínia
Ver mais

Destilação e corridas

  • Distância da rota:
    1059,00 km
  • Tempo recomendado:
    6 dias

Onde a história do moonshine encontra a história da NASCAR

Antes mesmo da Guerra da Independência dos Estados Unidos, algumas pessoas já produziam uísque de milho na Carolina do Norte, no Tennessee e na Virgínia. A bebida destilada, que não era envelhecida, seguia uma receita europeia e se beneficiava da abundância das plantações de milho e da água fornecida pelas nascentes dos Appalachian Mountains (Apalaches). Com a Lei Seca e a caçada aos alambiques, as destilarias embrenharam-se nas montanhas. As pessoas que transportavam a bebida alcoólica ilegal aumentaram a potência dos motores, removeram os assentos e modificaram a suspensão traseira de seus carros para que eles suportassem o peso da carga. Por diversão, essas pessoas encarregadas pelo transporte da bebida tinham o costume de competir umas contra as outras, o que acabou resultando na criação da NASCAR (National Association for Stock Car Auto Racing, Associação Nacional de Automobilismo Stock Car) em 1948. Hoje, stock cars, dragsters, caminhões e outros veículos competem em pistas certificadas. Siga este itinerário para conhecer lojas de escuderias, galerias da fama e os lendários trajetos que os contrabandistas de bebidas alcoólicas percorriam. Entre uma pista e outra, faça paradas em destilarias, restaurantes e bares que mantêm viva a arte das bebidas artesanais.

01
Ação em dia de corrida no Charlotte Motor Speedway em Charlotte, na Carolina do Norte
Ver mais

Primeira parada: Charlotte, Carolina do Norte

Desembarque no Aeroporto Internacional Douglas, na cosmopolita e receptiva cidade de Charlotte, para mergulhar na capital das corridas, em seus eventos, nas lojas das escuderias e na NASCAR Hall of Fame (Galeria da Fama da NASCAR). Reserve pelo menos metade de um dia para a visita à galeria, onde é possível usar um macaco, trocar um pneu, cronometrar o tempo necessário para abastecer um carro de corrida no simulador de pit stop e conhecer um pouco da destilaria de moonshine de Junior Johnson. Planeje sua visita para conseguir assistir uma corrida no Charlotte Motor Speedway (Autódromo de Charlotte), logo ao norte de Charlotte, em Concord. Os maiores eventos são o Coca-Cola 600, no final de maio, e o Bank of America 500, no começo de outubro. Esses grandes eventos disputam a atenção com festas que acontecem antes e após as corridas, como o 600 Festival. Com a NASCAR Racing Experience, você ganha as pistas e pode dirigir um carro de corridas de verdade. A 1,5 quilômetro da pista, visite a escuderia Hendrick Motorsports, onde é possível ver a preparação dos carros nos dias das corridas, antes de seguir para nordeste, em direção a Raleigh.

Mais informações
269 km
3 horas de carro
02
Anoitecer na Fayetteville Street, em Raleigh
Ver mais

Cultura em Raleigh, na Carolina do Norte

A viagem para Raleigh, onde história e modernidade se encontram e onde é possível encontrar uma próspera cena musical e de bebidas, vale a pena. Capital da Carolina do Norte, esse destino dinâmico é um centro inovador e conta com mais de 25 cervejarias. Visite a Raleigh Beer Garden, conhecida como a maior cervejaria do mundo, e aproveite para degustar a bebida que começou a ser produzida no sudeste mais recentemente – embora ainda seja possível encontrar pequenas destilarias na região. O bluegrass e o rock são dois dos gêneros presentes nas apresentações de música ao vivo que acontecem todas as noites em Raleigh, autoproclamada "a cidade mais musical da Carolina do Norte". Antes de voltar para a estrada e seguir em direção à Virgínia, encerre sua viagem com uma parada em um restaurante ou um café local. Não tenha vergonha de pedir recomendações aos moradores locais. Raleigh pode estar crescendo, mas ainda mantém o charme de cidade pequena.

Mais informações
309 km
4 horas de carro
03
Caminho pela Big Walker Mountain Scenic Byway até Big Walker Lookout e Monster Rock em Wytheville, na Virgínia
Ver mais

Diversão de cidade pequena em Wytheville, na Virgínia

Depois de acelerar e saborear algumas bebidas, diminua o ritmo em Wytheville. Essa cidade histórica está localizada no cruzamento de duas grandes rodovias interestaduais, em meio às montanhas, e é o ponto de partida ideal para explorar a região. Siga pela Big Walker Scenic Byway (Travessia Cênica Big Walker) até o Big Walker Lookout (Ponto de Observação Big Walker), uma torre com 30 metros de altura com vista que alcança fazendas e florestas. Aproveite para fazer uma caminhada na Monster Rock, trilha que proporciona vistas impressionantes, para depois visitar a BW Country Store para tomar sorvete ou provar o fudge, comprar artesanato local para levar como lembrança e curtir as apresentações de música ao vivo que acontecem na varanda, aos fins de semana, nos meses mais quentes. Acelere noite adentro na Wythe Raceway. A pista de terra batida recebe corridas praticamente todos os sábados. Chegue por volta das 17h para conseguir sentar-se na arquibancada de madeira ou reservar o lugar para a sua cadeira no gramado. As voltas qualificatórias começam por volta das 19h e as corridas, às 20h, mas durante a espera você pode se distrair indo à lanchonete, que serve a famosa mortadela frita, levar as crianças para se divertir no fliperama e divertir-se com a noite de cidade pequena. "As mesmas duas ou três mil pessoas enchem o lugar todas as semanas", conta o piloto Caleb Holman, que começou sua carreira nessa pista. Divirta-se mergulhando na cultura local e nas vistas da montanha. Há ainda mais disso tudo na sua próxima parada.

Mais informações
90 km
1 hora de carro
04
Heartwood Artisans Center, local que reúne artesanato, música, gastronomia e cultura em Abingdon, na Virgínia
Ver mais

Abingdon, Virgínia: mistura de carros, música e artes visuais

Siga por cerca de uma hora para o sudoeste, em direção a Abington, uma pequena cidade animada, cercada pela imensidão da Blue Ridge Mountains (cordilheira Blue Ridge). Caleb Holman, piloto da escuderia Henderson Motorsports, mora na cidade. "Se o portão estiver aberto, sinta-se à vontade para entrar", ele afirma. Mesmo quando Caleb não está correndo, você pode encontrá-lo no local, com a coleção de automóveis antigos de seu chefe, em uma reprodução de uma lanchonete com estilo dos anos 50. Abingdon é uma porta de entrada para conhecer a mistura de artes visuais e música genuinamente americana do sudoeste da Virgínia. Visite Heartwood para comprar itens de artesãos locais ou assistir apresentações de música ao vivo. Aproveite também para conseguir um folheto que ajudará você a descobrir a The Crooked Road, a Heritage Music Trail (Trilha da Tradição Musical) da Virgínia. Passando por locais que promovem exposições e apresentações de música, a trilha passa pelo Condado de Franklin, que preserva a história da produção de moonshine.

27 km
1 hora de carro
05
Vista aérea do Bristol Motor Speedway em Bristol, no Tennessee
Ver mais

Bristol, Tennessee: a mais rápida meia milha

Depois de seu passeio cultural, descubra um lugar que reúne montanhas tranquilas, colinas e lagos calmos. Em Bristol, escute a melodia suave da história da música no novo Birthplace of Country Music (Berço da Música Country) ou os sons cortantes de um das pistas mais famosas da NASCAR no país, o Bristol Motor Speedway (Autódromo de Bristol). Famosa e conhecida como a "mais rápida meia milha do mundo", a pista é um dos maiores centros esportivos do mundo, com 160 mil lugares. As visitas incluem uma volta pela pista e uma corrida na Thunder Valley, uma pista rápida de 400 metros de extensão. Reserve tempo para conhecer as impressionantes Bristol Caverns (Cavernas de Bristol) e caminhar às margens do antigo rio subterrâneo que esculpiu essas câmaras milhões de anos atrás. Explore o centro de Bristol, onde a State Street serve de divisa entre os estados do Tennessee e da Virgínia. Aproveite para conhecer diversas butiques e lojas de antiguidades na região. Você também pode fazer caminhadas ou passeios de canoa pelo belo Steele Creek Park (Parque Steele Creek), uma área de 890 hectares. Bônus: cerca de meia hora a oeste de Bristol – no caminho para o próximo destino, Knoxville – o Kingsport Speedway (Autódromo de Kingsport) recebe corridas quase todas as semanas entre o final de março e o final de setembro.

Mais informações
183 km
2 horas de carro
06
Vistas incomparáveis das Great Smoky Mountains, que tem Knoxville, no Tennessee, como uma das portas de entrada
Ver mais

História e diversão em Knoxville, no Tennessee

É comum a cidade de Knoxville ser chamada de capital da região dos Apalaches. Sua combinação peculiar de arte, música, natureza, esportes e história cria uma cidade vibrante. Em Knoxville e nas proximidades, a White Lightning Trail (uma das 16 trilhas turísticas de inspiração cultural do estado) relaciona o contrabando de bebidas alcoólicas e as corridas através de paradas por pontos históricos e informações esclarecedoras. Você pode fazer uma parada na Calhoun's Bearden Hill na Thunder Road original, a lendária rota de contrabando de bebidas alcoólicas que inspirou uma música e um filme no final da década de 50. Peça a pilsen Thunder Road, produzida no local, e visite o Old Gray Cemetery (Cemitério Old Gray) para procurar o monumento oco que servia como ponto de entrega de moonshine. Seguindo a trilha, explore o histórico distrito de Old City, a nordeste do centro da cidade. A região, que costumava ser muito ruidosa na virada do século XX, hoje é uma mistura de lojas, restaurantes, bares e eventos em instalações de arquitetura recente. Aproveite para divertir-se com música, a gastronomia e as compras nas lojas e nos bares de Market Square, Krutch Park e Gay Street, além de descansar um pouco antes de seguir para leste, em direção à Carolina do Norte.

Mais informações
187 km
2 horas de carro
07
Barris cheios de uísque preparado à moda moonshine, não envelhecido, da Troy & Sons na Asheville Distilling Co. em Asheville, Carolina do Norte
Ver mais

Asheville, Carolina do Norte: a linha de chegada

Termine a viagem em grande estilo, em Asheville, cidade conhecida por sua cena artística vibrante, restaurantes independentes, diversas cervejarias e a famosa propriedade de George Vanderbilt, The Biltmore. Planeje uma viagem com vistas panorâmicas, saindo do Blue Ridge Parkway Visitor Center (Centro de Visitantes da Blue Ridge Parkway). Seguindo pelas curvas da estrada enquanto admira a paisagem arborizada e montanhosa, fica fácil imaginar a época em que os contrabandistas de bebidas alcoólicas viviam na região. Em homenagem ao ofício, duas destilarias operam na cidade e nas proximidades, a Troy & Sons e a Howling Moon. A Troy & Sons oferece excursões rápidas e gratuitas, seguidas de degustações. Dependendo das opções disponíveis, a degustação pode oferecer o Oak Reserve, um uísque preparado à moda moonshine, amadurecido em barris de bourbon para obter coloração dourada e notas carameladas. Depois de tudo isso, o Aeroporto Regional de Asheville fica apenas 14 quilômetros ao sul da cidade, mas você também pode refazer o trajeto de duas horas para embarcar em um voo internacional em Charlotte.