Skip to main content
Os incríveis pináculos e penhascos de Bryce Canyon National Park

Utah

Um guia local para o Bryce Canyon National Park

Por: Eli Ellison

1 de 1
  • Estados:
    Utah

Um labirinto alienígena de hoodoos vermelhos, laranjas e rosados

Bryce Canyon fica a menos de quatro horas de carro de Las Vegas, Nevada, e de Salt Lake City, Utah. É o parque nacional favorito de muitos visitantes no sudoeste dos EUA e é fácil de perceber o porquê. Enquanto o Grand Canyon, no Arizona, impressione por sua imensidão, o Bryce no sul de Utah é menor, mais intimista e acessível, e suas formações surreais são, aparentemente, mais delicadas. Na verdade, levou milhões de anos para que as forças do vento, do gelo e da água esculpissem esta terra de torres, pináculos e barbatanas de pedra. Este guia oferece sugestões sobre a melhor forma de admirar o desfiladeiro e fornece dicas práticas para sua viagem.

Como chegar lá partindo de Las Vegas, Nevada

Depois de ver as luzes brilhantes e de viver as emoções de Las Vegas, siga de carro ao norte, na Interstate Highway 15 até St. George, Utah. Em seguida, escolha um de dois caminhos para chegar a Bryce: pelo Zion National Park (Parque Nacional Zion) ou pelo Cedar Breaks National Monument. Se optar por Zion, siga pela Interstate 15 até a State Route 9. A taxa de entrada (válida por 7 dias) é de US$ 30 por veículo. Se você preferir ver o Cedar Breaks (semelhante ao Bryce, mas menor), continue na Interstate 15 até Cedar City, em seguida, pegue a State Route 14 até a State Route 148 (também conhecida como Cedar Breaks Scenic Byway, fechada do final de outubro ou início de novembro até o final de maio).

Como circular

A maioria dos visitantes conhece o Bryce de carro, portanto, os estacionamentos onde há mirantes para o desfiladeiro podem ficar muito congestionados durante os movimentados meses de verão. Uma alternativa sem estresse é usar o serviço gratuito do Bryce Canyon shuttle, que opera do final de abril a setembro. As paradas do serviço de shuttle incluem o Ruby's Inn (fora do parque), o centro de visitantes e os pontos Sunset (Pôr do Sol) e Inspiration (Inspiração). "O shuttle sai a cada oito a doze minutos, e é uma ótima maneira de evitar dores de cabeça com o trânsito", diz Kathleen Gonder, guarda-florestal do Serviço Nacional de Parques.

É provável que durante os movimentados meses de verão as estradas no Bryce Canyon National Park não estejam vazias.

É provável que durante os movimentados meses de verão as estradas no Bryce Canyon National Park não estejam vazias.
Ver mais

Hospedagem e gastronomia

A uma curta distância da borda do desfiladeiro, o Lodge at Bryce Canyon tem um restaurante que serve refeições saborosas em uma clássica sala de jantar do Oeste com painéis de madeira e uma lareira de pedra. Há também a Valhalla Pizzeria, que serve café e produtos assados, além de pratos italianos, pizza e saladas.

Fora do parque, o amplo Ruby's Inn tem mais de 360 quartos, cabanas, um acampamento e três restaurantes. O Ruby's também oferece passeios a cavalo, em veículo off-road e aéreos, além de aluguel de mountain bikes.

Se a pousada e o Ruby's estiverem cheios, tente os motéis em Bryce Canyon City e nos arredores, que ficam próximos da State Route 63. Também é possível acampar nos dois acampamentos dentro do parque.

O que ver

Com 13 mirantes ao longo da cênica viagem de 61 km do parque, não há escassez de lugares para contemplar a beleza de Bryce de cima. Os pontos da alvorada e pôr do sol, perto da pousada, oferecem panoramas dos pináculos densos do Bryce Amphitheater e estão entre os locais mais populares do parque.

As vistas dos pontos Inspiration e Bryce, nas proximidades, são igualmente fascinantes. No sul do parque, não deixe de visitar o mirante Natural Bridge (ponte natural), que oferece uma vista a um impressionante arco de pedra. Dica: a luminosidade no meio da manhã é ideal para tirar fotos.

Dê uma parada no centro de visitantes para ver exposições de geologia e de vida selvagem e para assistir a um filme de orientação de 20 minutos chamado de "Shadows of Time” (Sombras do Tempo).

Há tanta coisa para se ver no Bryce Canyon. Traga sua câmera.

Há tanta coisa para se ver no Bryce Canyon. Traga sua câmera.
Ver mais

O que fazer

Para absorver totalmente a magia de Bryce, caminhe para dentro do desfiladeiro. No principal Bryce Ampitheater, combine as trilhas de Navajo e Queens Garden para fazer um circuito moderado de 4,6 quilômetros passando pelo famoso hoodoo do martelo de Thor e o desfiladeiro Wall Street. Reserve cerca de 2 horas para esta caminhada.

Dentro do anfiteatro, há muitas mais trilhas, todas interligadas e com dificuldade que varia de moderada a intensa. Para visitantes que estão em boa forma física, Gonder sugere a Fairyland Loop Trail, de 12,9 quilômetros. "Embora seja cansativa, adoro essa trilha, que abriga as formações da Tower Bridge e China Wall", explica.

Procura uma caminhada mais fácil? Experimente a Rim Trail, de 17,7 quilômetros, que se estende de Fairyland ao Bryce Point e oferece vários pontos de acesso. Se você percorrer toda a extensão ou passear por seções mais curtas, vistas fantásticas do desfiladeiro o aguardarão.

Muitas vezes esquecida devido à sua localização na região norte do parque, a viagem de ida e volta de 1,3 quilômetros da trilha Mossy Cave passa por um riacho perene que fica entre os coloridos hoodoos e termina em uma pequena cachoeira de 4,6 metros de altura.

Não quer caminhar? Faça o percurso a cavalo. De abril a outubro, sente-se em uma sela para fazer um passeio pelas trilhas do desfiladeiro com duração de 2 horas ou de meio dia. Os guardas-florestais do parque também falam regularmente sobre a geologia da região no Sunset Point (ponto do Pôr do Sol) e conduzem caminhadas guiadas pela borda dos desfiladeiros. Depois de escurecer, junte-se a um guarda-florestal para um programa de astronomia e observe por um telescópio o céu estrelado. No centro de visitantes, você encontra um cronograma de programas do guarda-florestal.

O hoodoo do famoso martelo de Thor do Bryce Canyon eleva-se sobre o parque.

O hoodoo do famoso martelo de Thor do Bryce Canyon eleva-se sobre o parque.
Ver mais

Vai no inverno? Prepare-se

Bryce Canyon fica a uma altitude elevada (até 2.778 metros) e tem uma queda de neve média de quase 245 centímetros no inverno (de novembro a março), resultando em vistas deslumbrantes de rochas vermelhas e um cenário coberto pela neve branca. Traga roupas quentes, pois a média de altas do dia é de 4,4 graus Celsius, podendo cair para -34 graus Celsius durante a noite.

Durante o inverno, a neve realça a beleza natural do Bryce Canyon.

Durante o inverno, a neve realça a beleza natural do Bryce Canyon.
Ver mais

Viagens adicionais

Da Cidade de Bryce Canyon, siga por 20 minutos ao noroeste, até o Red Canyon, na Dixie National Forest. As formações de arenito do desfiladeiro e do solo são intensamente avermelhados.

Procurando uma excursão menos conhecida perto de Bryce? Visite a bifurcação leste do Sevier River Scenic Backway, uma estrada de cascalho bem conservada que se estende por 27 quilômetros ao longo da fronteira do Bryce Canyon National Park até o reservatório Tropic Reservoir. Esta encantadora região coberta de pinheiros, onde você pode pescar, fazer passeios de barco, caminhar, andar de mountain bike ou simplesmente desfrutar de um piquenique, é um tanto fria, mesmo nos meses de verão.

Explorar mais

O histórico trem da Durango & Silverton Narrow Gauge Railroad ganha a montanha

Destino

Durango