Skip to main content
Caminhadas pelo Grand Canyon

Arizona, Novo México

Programa clássico no sudoeste: viagem de carro de Santa Fé até o Grand Canyon

Por: Eli Ellison

Getty Images
1 de 1
  • Estados:
    Arizona
    Novo México

Pontos turísticos, sons e maravilhas naturais do Sudoeste

Viajando pela famosa Rota 66, você poderá conhecer dois grandes ícones do deserto do Sudoeste dos Estados Unidos de uma só vez: o Parque Nacional do Grand Canyon – a obra-prima geológica do Arizona – e a centenária cidade de Santa Fé no Novo México.

Comece sua viagem por Santa Fé

O aeroporto de importância mais próximo de Santa Fé é o Aeroporto Internacional Sunport em Albuquerque, no Novo México. Retire seu carro alugado no aeroporto e siga rumo norte pela U.S. Interstate Highway 25 por cerca de 107 quilômetros até Santa Fé.

A capital mais antiga dos EUA encontra-se aos pés das grandiosas Sangre de Cristo Mountains (montanhas Sangre de Cristo), no norte do Novo México, e é repleta de arquitetura adobe, igrejas históricas, restaurantes famosos, galerias e museus. Você vai precisar de dois ou três dias para conhecer tudo o que essa cidade tranquila em meio ao deserto, na região sudoeste do país, tem a oferecer.

As pimentas de todos os tipos — verdes, vermelhas ou amarelas — são características da gastronomia do Novo México.

As pimentas de todos os tipos — verdes, vermelhas ou amarelas — são características da gastronomia do Novo México.
Ver mais

Atrações em Santa Fé

A cidade gira em torno de sua obra-prima centenária, a Santa Fé Plaza, uma praça criada no começo do século 17 que é um verdadeiro refúgio arborizado, com muita sombra. Logo ao norte, temos o Palace of the Governors (Palácio dos Governadores) em estilo adobe, o capitólio original do Novo México construído pelos espanhóis. Visite o museu do palácio e aproveite para passear pelas ruas do centro, fotografar obras da arquitetura adobe e visitar atrações como o New Mexico Museum of Art (Museu de Arte do Novo México) e o Georgia O' Keeffe Museum (Museu Georgia O' Keeffe).

Atividades em Santa Fé

Há muitas lojas na cidade que oferecem de tudo, de artesanato indígena a galerias de arte moderna. Comece seu passeio pelo Palace of the Governors, onde é possível comprar cerâmicas artesanais, joias e outras obras de arte tradicionais indígenas. Para conhecer diversas galerias que expõem trabalhos de diferentes movimentos e vendem de tudo, de esculturas de bronze a fotografias, a região da Canyon Road é o lugar ideal. Diversos lojistas fornecem serviço de remessa internacional para despachar suas compras.

A sudoeste do centro, o distrito de Railyard é um destino imperdível para conhecer galerias de arte vanguardistas. Nesse bairro também é possível embarcar nos trens da Santa Fé Southern Railway para fazer um passeio com duração de quatro horas por cenários deslumbrantes. Se preferir embarcar em uma excursão guiada em bonde aberto, tome a Loretto Line.

Gastronomia em Santa Fé

A gastronomia do Novo México lembra a culinária tradicional do México, com pimentas de todos os tipos (vermelhas e verdes, suaves e ardidas), presentes em praticamente todos os pratos. Desfrute do café da manhã no Tia Sophia's, o autoproclamado inventor do burrito de café da manhã, uma tortilla de batata com o recheio de carne da sua preferência, com muito molho de pimenta.

O Draft Station é um local tranquilo que serve cervejas artesanais locais e pratos e pizzas deliciosas, incluindo uma torta mexicana que leva frango, pinhão, pimenta verde e os queijos cotija e asadero em uma crosta de milho azul. Você pode saborear tudo isso no terraço do segundo andar do estabelecimento, apreciando a vista para a plaza. Para conhecer um pouco da alta gastronomia local, visite um dos antigos e famosos restaurantes da cidade, como o Cafe Pasqual's e o Pink Adobe.

Hospedagem em Santa Fé

Apesar do custo mais elevado, quem se hospeda nos hotéis do centro tem a vantagem de estar a poucos minutos das principais atrações, lojas e restaurantes da cidade. O histórico hotel La Fonda on the Plaza, de 1922, oferece quartos com decoração inspirada na região sudoeste, com mobiliário de madeira feito à mão e pinturas originais. A dois quarteirões de distância, o luxuoso Inn and Spa at Loretto fica ao lado da Capela de Loretto, construída em 1878.

O La Fonda on the Plaza oferece opções de hospedagem elegantes em Santa Fé desde 1922.

O La Fonda on the Plaza oferece opções de hospedagem elegantes em Santa Fé desde 1922.
Ver mais

Viagem pela Rota 66 até o Parque Nacional do Grand Canyon

Siga de carro para Albuquerque, em direção ao sudoeste. Em seguida, dirija por aproximadamente seis horas em direção ao oeste pela U.S. Interstate Highway 40, uma continuação da Rota 66 (também conhecida como "Mother Road", ou "rodovia-mãe"). Nas cidades de Albuquerque, Grants e Gallup, no Novo México, é possível ver diversos letreiros de néon vintage sinalizando os hotéis e as lanchonetes à beira da estrada, como nas décadas de 40 e 50, que ficaram conhecidas como os anos dourados da rota.

Aproveite a viagem no túnel do tempo para visitar a Petrified Forest National Park (Parque Nacional da Floresta Petrificada) no Arizona. Há centenas de milhões de anos havia uma floresta no lugar do deserto que encontramos na região. Eras inteiras de fenômenos geológicos transformaram os troncos das árvores em placas coloridas de pedra, e o trecho de 45 quilômetros pela paisagem deslumbrante do parque está repleto de grandes concentrações de madeira petrificada. Hospede-se na cidade de Holbrook e aproveite para passar a noite em uma tenda indígena de concreto no clássico Wigwam Motel, construído nos anos 50.

Céus incrivelmente azuis encontram a beleza e a grandeza do Grand Canyon.

Céus incrivelmente azuis encontram a beleza e a grandeza do Grand Canyon.
Ver mais
John Cameron Photography

Grand Canyon National Park, Arizona

A cidade de Santa Fé e a Rota 66 são atrações recentes quando comparadas aos mais de 1 bilhão de anos de história da geologia do desfiladeiro mais famoso do mundo, o Grand Canyon. O distrito histórico de Grand Canyon Village, no lado sul do parque, é o ponto de partida para essa aventura, tanto para quem se contenta em apreciar a beleza infinita do alto quanto para quem prefere caminhar até o Rio Colorado, no fundo do desfiladeiro.

Há inúmeras trilhas para caminhada por todo o Grand Canyon, com opções para todos os gostos, desde passeios curtos e tranquilos até descidas cansativas pelo desfiladeiro.

Há inúmeras trilhas para caminhada por todo o Grand Canyon, com opções para todos os gostos, desde passeios curtos e tranquilos até descidas cansativas pelo desfiladeiro.
Ver mais
Mais informações

Atrações no Grand Canyon

Obtenha orientações no centro de visitantes da entrada sul do Grand Canyon e aproveite para se surpreender com a impressionante vista panorâmica do desfiladeiro no mirante Mather Point.

Em Grand Canyon Village, visite as exposições do Museu de Geologia Yavapai e do Kolb Studio, um estúdio de fotografia instalado à beira do desfiladeiro em 1904.

Diversos pontos da borda sul do parque proporcionam vistas surpreendentes. Para chegar aos nove mirantes a oeste de Grand Canyon Village, às margens da Hermit Road, embarque no traslado gratuito do parque, serviço disponível de março até novembro. A entrada de veículos particulares também é permitida durante o restante do ano, nos meses de inverno. Há trilhas fáceis de um mirante a outro, que proporcionam passeios agradáveis pelo local.

Seguindo em direção ao leste, atravesse os 40 quilômetros da Desert View Drive para conhecer mirantes com vistas impressionantes, como Grandview e Moran. Encerre o passeio com chave de ouro na Indian Watchtower at Desert View, uma torre circular com 21 metros de altura, construída inteiramente em pedra em 1932.

Mais informações

Atividades no Grand Canyon

A exigente Trilha de Bright Angel é muito procurada para caminhadas, mas não subestime essa aventura. Você precisará de um dia inteiro, além de um bom suprimento de água e lanches para percorrer essa trilha de 15,3 quilômetros até o fundo do desfiladeiro e subi-la para voltar ao topo.

Para quem prefere caminhar perto da borda e gosta de lugares mais isolados, a Trilha Grandview é a opção ideal. Apesar do caminho íngreme, em apenas 20 minutos você estará distante da multidão e terá toda aquela bela vista só para você.

Você prefere percorrer o local de mula para não se cansar? Aproveite a montaria em um passeio de três horas pela borda do desfiladeiro ou em uma viagem noturna até Phantom Ranch, no fundo do desfiladeiro.

Hospedagem e gastronomia no Grand Canyon

Quer se hospedar a poucos metros da borda do desfiladeiro? Quem for visitar a região entre março e dezembro pode fazer uma reserva com um ano de antecedência para hospedar-se no ilustre El Tovar Hotel, fundado em 1905, ou reservar sua acomodação em um dos cinco hotéis de beira de estrada de Grand Canyon Village. Outras opções de acomodação são o acampamento e o estacionamento para trailers. Os pontos para comer vão desde lanchonetes e restaurantes casuais até o sofisticado salão do El Tovar.

Fora do parque, a cidade de Tusayan conta com diversas opções de hotéis, além de muitos restaurantes.

Explorar mais

O histórico trem da Durango & Silverton Narrow Gauge Railroad ganha a montanha

Destino

Durango