Skip to main content
Exposições históricas e artefatos no interior do Delta Blues Museum em Clarksdale, Mississippi

Mississippi, Missouri, Tennessee, Alabama

Homenagem às lendas: museus e monumentos do blues

Por: Idoia Gkikas

1 de 1
  • Estados:
    Mississippi
    Missouri
    Tennessee
    Alabama

Para os amantes do blues, esses museus e monumentos oferecem um vislumbre intimista das vidas dos músicos considerados pais desse estilo musical.

A região sudeste dos EUA é o berço do blues, com sua marca espalhada por inúmeras atrações à beira das estradas e em monumentos provisórios: dos monumentos em forma de guitarra na "Devil’s Crossroads" (Encruzilhada do Diabo) de Robert Johnson no Mississippi à sala de música no Arkansas onde B.B. King batizou sua guitarra de "Lucille". Para os amantes do blues, esses museus e monumentos oferecem um vislumbre intimista da música e de seus criadores.

National Blues Museum: St. Louis, Missouri

St. Louis é uma das principais cidades das quais o blues se apoderou ao migrar do sul. Por meio de artefatos e exposições informativas, o National Blues Museum (Museu Nacional do Blues) explora este estilo musical desde o século XIX até os dias de hoje. Em uma das exposições interativas, você criará uma personalidade do blues e gravará sua própria música. Saindo do museu no centro da cidade, são apenas 10 minutos até a cênica trilha do Rio Mississippi.

Faça um passeio pelo National Blues Museum no centro de St. Louis

Faça um passeio pelo National Blues Museum no centro de St. Louis
Ver mais

Delta Blues Museum: Clarksdale, Mississippi

Clarksdale é o berço do delta blues e parte da Mississippi Blues Trail (Trilha do Blues do Mississippi), uma série de importantes marcos históricos do blues no Mississippi. A coleção permanente do Delta Blues Museum (Museu do Delta Blues) abriga incríveis relíquias, dentre elas guitarras tocadas por Muddy Waters, B.B. King e Son Thomas. A atração principal são os resquícios da cabana onde Alan Lomax gravou Waters pela primeira vez em 1941. Para apreciar música ao vivo, pare no Ray’s Lounge, no Ground Zero Blues Club ou em um dos eventos de música popular, como o Juke Joint Festival, o Sunflower River Blues & Gospel Festival ou o Deep Blues Festival.

Aprendendo sobre Big Mama Thornton no Delta Blues Museum

Aprendendo sobre Big Mama Thornton no Delta Blues Museum
Ver mais

B.B. King Museum and Delta Interpretive Center: Indianola, Mississippi

Referência do blues há mais de 60 anos, B.B. King merecidamente conquistou o título de "Rei do Blues". O B.B. King Museum and Delta Interpretive Center (Museu B.B. King e Centro Interpretativo do Delta) em Indianola, Mississippi, situados a apenas 25 minutos da terra natal de King na zona rural do Delta do Mississippi, apresenta raros artefatos, filmagens e informações históricas. O incrível é que as instalações foram construídas ao redor do descaroçador de algodão abandonado onde ele trabalhou quando jovem. King foi enterrado no museu ao qual ele tanto se dedicou para apoiar.

Passeie pelo Club Ebony, uma parada na Mississippi Blues Trail e parte do Chitlin’ Circuit (Circuito de Chitlin) de bares e clubes,  voltado exclusivamente a afro-americanos na primeira metade do século XXX. Club Ebony é um dos últimos marcos históricos restantes em termos de clube de blues ainda em pé.

Aprendendo sobre o "Rei do Blues" no B.B. King Museum and Delta Interpretive Center

Aprendendo sobre o "Rei do Blues" no B.B. King Museum and Delta Interpretive Center
Ver mais

Blues Hall of Fame Museum: Memphis, Tennessee

Há mais de um século, os músicos do blues se reúnem em Memphis, conhecida até hoje como o "lar do blues". Explore o Blues Hall of Fame Museum (Museu da Galeria da Fama do Blues) para descobrir um acervo de instrumentos, prêmios, autógrafos e roupas dos seus membros ilustres. Procure a descolada bengala do Dr. John, uma guitarra autografada por Buddy Guy e uma jaqueta de Muddy Waters. Mais tarde, ao seguir para Beale Street, não perca a oportunidade de tirar fotos no W.C. Handy Museum (Museu W.C. Handy). Neste lugar, Handy, conhecido como o "pai do Blues", compôs "Memphis Blues", o primeiro grande sucesso do blues. Há uma estátua do músico no Handy Park, bem pertinho dali.

W.C. Handy Home, Museum & Library: Florence, Alabama

Memphis alega ser seu último lar, mas Florence, Alabama, é onde W.C. Handy nasceu em 1873. No interior da humilde cabana transformada em museu, estão seu trompete, piano e manuscritos de música. Um guia turístico conta a história de Handy, desde suas raízes em Florence à sua ilustre carreira em Memphis, St. Louis e Nova York. No mês de julho, Florence sedia o W.C. Handy Music Festival (Festival de Música de W.C. Handy), reconhecido como um dos mais importantes eventos da região. Se você é totalmente apaixonado por música, visite os pontos históricos musicais em Florence e Muscle Shoals. Essas cidades vizinhas foram outrora conhecidas como a "Capital Mundial da Gravação de Sucessos".

História viva do blues no W.C. Handy Home and Museum

História viva do blues no W.C. Handy Home and Museum
Ver mais

Bessie Smith Cultural Center: Chattanooga, Tennessee

Com uma voz que jamais se calaria, a natural de Chattanooga, Bessie Smith, conhecida como "a imperatriz do blues", mudou para sempre a sorte das musicistas afro-americanas do blues. O Bessie Smith Cultural Center (Centro Cultural Bessie Smith) inclui artefatos e exposições sobre Smith e outros nomes notáveis. Durante sua estadia na região, não deixe de conhecer o próspero cenário gastronômico de Chattanooga, as divertidas atrações para a família e séries gratuitas de concertos no verão. 

Embarcação movida a roda de pás no Rio Tennessee e o horizonte de Chattanooga

Embarcação movida a roda de pás no Rio Tennessee e o horizonte de Chattanooga
Ver mais