Skip to main content
Omar Aragonés tocando no Garden Bowl em Detroit, Michigan
1 de 1
  • Estados:
    Michigan

Entre no ritmo desta cidade incomparável com o músico da Motown e de Detroit, Omar Aragonés.

Sábado à noite. Você entra no Garden Bowl, em Detroit, e a iluminação de neon toma conta do ambiente. A Motown com seu som característico do soul vai deleitar seus ouvidos. Esta é a mais antiga pista de boliche em funcionamento contínuo nos Estados Unidos — construída em 1913 — mas, agora, você também pode estar a bordo de uma astronave acolhedora e convidativa. Porque você está em Detroit, Michigan, um lugar onde o velho e o novo são perfeitamente combinados, e onde as características de uma pista de boliche se misturam com a vibração de uma cena artística. É uma cidade cheia de criatividade, trabalho árduo e nada pretensiosa.

Se você visitar o Garden Bowl na noite certa, poderá encontrar o músico local da Motown, Omar Aragonés, se apresentando no palco elevado, suspenso sobre as pistas. (Eu disse que parecia uma astronave.)

Uma cidade cheia de inovação local

"Detroit sempre tem esse jeito de criar inovação", diz Omar.

E nada conta a história da inovação de Detroit como a música da Motown. O próprio nome, uma combinação das palavras "Motor" e "Town" (cidade), é um reflexo da longa história do industrialismo operário de Detroit, combinado com expressão artística da melhor qualidade. "Como artista da Motown, sinto que estou sendo fiel às minhas origens. É música soul e essa cidade tem alma."

Omar Aragonés tocando saxofone no The Belt, um beco repleto de arte de rua

Omar Aragonés tocando saxofone no The Belt, um beco repleto de arte de rua
Ver mais

A essência de Detroit

A Motown é um fenômeno; suas linhas de baixo melosas e vocais inflamados definem a música americana. Mas se você voltasse ao início desta Era de Ouro, encontraria qualquer coisa, menos ouro. Você estaria olhando para um encorpado operário de fábrica chamado Berry Gordy, olhando para os US$ 800 que acumulou para comprar um estúdio comum na West Grand Boulevard.

Mas, assim como a cidade ao seu redor, o trabalho árduo e a criatividade fizeram da Motown Records um império. "A Motown é essencialmente Detroit. É soul music refinada para se tornar música pop", explica Omar. Com nomes familiares como Aretha Franklin, Marvin Gaye, Stevie Wonder, The Temptations e Jackson 5, a mistura de coragem, luta e poeticismo de Berry Gordy ajudou a colocar Detroit no mapa. Hoje, os fãs do gênero podem visitar o mesmo estúdio comprado por Gordy, atualmente sede do Motown Museum (Museu da Motown), para ver fotografias icônicas, figurinos e partituras da época.

Lado de fora da United Sound Systems Recording Studios

Lado de fora da United Sound Systems Recording Studios
Ver mais
Mais informações

Desde a Era de Ouro, uma meca do industrialismo

Embora a Motown Records seja a essência da cidade, Detroit era uma cidade em expansão muito antes de Aretha Franklin nos ensinar o significado de respeito. Um momento decisivo da Era de Ouro ocorreu em 1903, quando um destemido empresário chamado Henry Ford fundou a Ford Motor Company em Detroit. Atualmente, dentro do The Henry Ford Museum (O Museu Henry Ford) está o novo Rouge Theatre (Teatro Rouge), onde os visitantes têm um vislumbre do passado, do presente e do futuro do setor industrial nos Estados Unidos. Ford e seus contemporâneos (os irmãos Dodge e Walter Chrysler, soam como nomes familiares?) revigoraram a economia local. Em meio a uma grande concentração de metal, borracha e dedicação ao ofício, eles levariam Detroit a ser uma meca da indústria. "Isso são os Estados Unidos. Não tem como ser mais americano do que isso", diz Omar com um sorriso.

E quando um uma cidade em expansão prospera, a arte prospera junto. É difícil não se comover com o panorama. O refinado Fox Theatre, com seu dourado ornamentado e cortinas de veludo. O The Guardian Building, uma imponente obra-prima de glamour art déco e a arquitetura renascentista maia. O Fisher Building, com seus vitrais Tiffany e o abundante mármore. A arte está em toda parte.

O interior ornamentado do histórico Fox Theatre

O interior ornamentado do histórico Fox Theatre
Ver mais

Mais do que a Motown: O trabalho é o orgulho de Detroit

O Eastern Market é a mistura perfeita da atitude discreta, resignada e ativa do Centro-Oeste e do individualismo cosmopolita. No interior de antigos armazéns, você encontrará uma variedade de formas de arte, desde murais meticulosamente pintados até deliciosos tacos de rua. O mercado é movimentado há mais de 150 anos e fornece uma ótimo ideia do que Detroit representa hoje em dia. Ah, já falamos que os tacos são deliciosos?

"Sinto que as pessoas aqui têm muito orgulho do trabalho", diz Omar. Elas são resilientes, trabalhadoras, típicas do Centro-Oeste. Você está lidando com gigantes, mas a tarefa deles não é nada fácil."

Mais informações

Olhando para o passado, mas seguindo em direção ao futuro

De volta ao Garden Bowl, Omar revela o slogan do lugar: "The working man’s country club" (O country club do trabalhador). É uma representação perfeita da cidade. Expressiva, arrojada, e óleo de motor e determinação correm em suas veias.

Antes de terminar o dia, Omar nos deixa um último pensamento. Uma frase ideal para o refrão de qualquer sucesso da Motown na Era de Ouro:

"Detroit é excepcional. Detroit é incansável."

A famosa escultura Monument to Joe Louis, um marco de Detroit

A famosa escultura Monument to Joe Louis, um marco de Detroit
Ver mais
Mais informações
Explorar mais
As impressionantes escunas Appledore de BaySail

Destino

Bay City

De Zwaan visto a partir do Windmill Island Gardens

Destino

Holland

Lojas e restaurantes no centro da cidade, incluindo a famosa Zingerman's Deli

Destino

Ann Arbor