Skip to main content

Grandiosidade marítima

Sault Ste. Marie abriga o Soo Locks, um sistema de canais que usa a água para elevar e abaixar navios e outras embarcações cerca de seis metros entre os níveis do lago Superior e do lago Huron. Construído há quase 160 anos para abrir passagem para mais de oito milhões de toneladas de grãos, carvão, minério de ferro e outros recursos naturais importantes distribuídos em toda a região dos Grandes Lagos. Os visitantes podem seguir o caminho e explorar o rio a bordo de um barco da Soo Locks Boat Tours. De volta à terra firme, um belo parque com um centro de visitantes completo é encontrado no complexo de Soo Locks. Visite o Museum Ship Valley Camp, um navio cargueiro aposentado que agora abriga centenas de exposições náuticas, e o Great Lakes Shipwreck Museum (Museu de Naufrágios dos Grandes Lagos), no Whitefish Point Lighthouse (Farol de Whitefish Point). Suba até o topo da torre de quase 20 metros do Point Iroquois Lighthouse (Farol de Point Iroquois) para vistas maravilhosas do lago Superior e de Sault Ste. Marie.

 

As maravilhas da natureza

A água doce cintilante do lago Superior é aproveitada por banhistas, barqueiros e pescadores. As praias e os parques são o local perfeito para uma caminhada despreocupada ou para relaxamento à beira d'água. A Mãe Natureza também está em exibição ali do lado, no Tahquamenon Falls State Park (Parque Estadual das Cataratas de Tahquamenon), onde as cachoeiras caem rugindo sobre as rochas. Lá do alto, as Upper Falls (cataratas altas) caem mais de 15 metros até chegarem ao rio. Embaixo, as Lower Falls (cataratas baixas) oferecem uma sucessão de quedas menores, cada uma mais bonita do que a anterior. O parque tem trilhas para hiking, aluguel de barco a remo e comidas e presentes à venda. Entre bem no meio dos bosques da Hiawatha National Forest (Floresta Nacional de Hiawatha), o lugar perfeito para praticar hiking e observar a vida selvagem.

 

Cultura norte-americana

Os ameríndios foram os primeiros residentes de Sault Ste. Marie, onde viviam com a fartura de alimentos encontrados nas águas e nos bosques nos arredores da cidade. As tribos de perto e de longe acharam um ponto de encontro no Soo. Hoje, os visitantes participam da cultura assistindo às celebrações anuais do Pow Wow, visitando museus locais e ouvindo contadores de histórias nativos compartilhar a vida de seus ancestrais ​​aqui em Bahwating, o nome nativo para Sault Ste. Marie. Suba os 64 metros da Tower of History (Torre da História) por um elevador rápido e maravilhe-se com a cidade se alongando lá embaixo, até chegar à natureza selvagem canadense, e depois explore as exposições informativas nos dois andares do museu dedicadas à cultura da área.

Fato interessante

Garoto chippewa em trajes tradicionais
Ver mais

A tribo Sault, dos índios chippewa, foram os primeiros habitantes da área.

Photo: CVB de Sault

Curtindo a abundância de neve de Sault Ste. Marie
Ver mais

Sault Ste. Marie recebe em média 304 centímetros de neve todos os anos.

Photo: CVB de Sault

Foto histórica tirada sobre o rio St. Marys
Ver mais

Sault Ste. Marie é a cidade mais antiga do Michigan.

Photo: Chippewa County Historical Society

Balão de ar quente sobrevoando Asheville, Carolina do Norte
Ver mais
Experiências próximas
Ver mais experiências

Próximos eventos

Site oficial de turismo de Sault Ste. Marie

Explorar mais
Funships de Frankenmuth passam pelo rio Cass

Destino

Frankenmuth

Arcadia Creek Bridge no centro de Kalamazoo, com suas árvores floridas

Destino

Kalamazoo

As impressionantes escunas Appledore de BaySail

Destino

Bay City

Pedaços de madeira flutuam em uma represa no Grand river

Destino

Grand Rapids

De Zwaan visto a partir do Windmill Island Gardens

Destino

Holland

Lojas e restaurantes no centro da cidade, incluindo a famosa Zingerman's Deli

Destino

Ann Arbor