USA Radio
Clarksdale, Mississippi

A rodovia do Blues

Faça uma peregrinação a uma encruzilhada musical mítica


A Highway 61 é a famosa estrada de duas pistas que levou músicos pobres da área rural e arrendatários para longe dos empoeirados campos de algodão do Mississipi, nas décadas de 1930 e 1940. Essa "rodovia do Blues" levou-os para o norte, na direção de Memphis e St. Louis, onde o público aclamou pela primeira vez o canto e o som do violão emotivos que nasceram no sul de Jim Crow.

Berço do movimento do blues americano, Clarksdale é um lugar estranhamente atraente —uma cidade plana e arenosa, com 20.000 habitantes, situada na famosa interseção das Rodovias 61 e 49 — a encruzilhada: segundo a lenda, o aspirante a músico de blues, Robert Johnson, vendeu a alma ao diabo em troca das prodigiosas habilidades de tocar guitarra que adquiriu, aparentemente, da noite para o dia. Johnson, uma alma torturada e um andarilho, vivia apenas para a música, o uísque e as mulheres, e cantava ‘Hellhounds on My Trail’. Com apenas 29 quando ele teria sido supostamente envenenado por um marido ciumento, em 1938, na ‘ juke joint ’ Three Forks, em Greenwood, Johnson influenciou gerações de artistas de rock e de blues no mundo todo.

Clarksdale também produziu grandes nomes musicais como Jackie (‘ Rocket 88 ’) Brenston, Sam Cooke, Ike Turner e Muddy Waters. Junte-se aos milhares de amantes da música de todo o mundo que peregrinam ao Delta Blues Museum, localizado em uma estação de trem de 1812, na periferia da cidade. Aqui você pode ver, entre inúmeras exposições, a cabina de madeira real onde Waters cresceu como meeiro na década de 1920, além de guitarras, fotografias e outros artefatos.

Outros locais imperdíveis incluem Cat Head Delta Blues and Folk Art, onde você pode pesquisar estantes de livros e caixas de discos em busca de joias obscuras e arte única e exclusiva. O Ground Zero Blues Club, um depósito de algodão reconstruído como ‘ juke joint ’ e a curta distância do Delta Blues Museum, serve pratos principais a preço especial durante o dia e blues ao vivo à noite. Um dos proprietários é Morgan Freeman, ator ganhador do Oscar, nascido no Mississipi, que também é proprietário do Madidi, uma dos melhores restaurantes de luxo do Mississipi.

Geralmente, porém, as opções de alimentação na cidade são mais caseiras, como os pratos no Abe’s Barbecue, que serve sanduíches de churrasco de carne de porco que são uma espécie de lenda desde 1924; Hicks ’ Variety Foods, conhecido pelos tamales condimentados, envoltos em palha de milho, além de bagre frito; e Ramon’s, um estabelecimento econômico, com telhado gotejante e velhas luminárias de mesa feitas de garrafas uísque, onde a soul-food típica é espaguete com fígado de galinha.

Claro, algumas redes de motéis ficam nos arredores da cidade, mas por que se hospedar lá quando pode optar pelas acomodações de um meeiro, antes uma choupana, no Shack Up Inn? Localizado em Plantation Hopson, o antigo empreendimento agrícola agora abriga um ‘B ‘n’ B’— isolado, na zona rural: hospedagem e cerveja. Uma fileira de cabanas, agora com água encanada e ar condicionado, é um grande atrativo para turistas de blues que abraçam a simplicidade rústica do local. Outra opção é o antigo Riverside Hotel, uma casa de fazenda despojada, cujos hóspedes incluíram Ike Turner e o falecido fã de blues, John F. Kennedy Jr. Um hotel/pousada econômico de propriedade local desde 1944, o Riverside é notório como o antigo hospital para os negros, onde a cantora de blues pioneira, Bessie Smith, morreu em 1937, depois de um acidente de carro na rodovia 61. Muitos dos grandes nomes do blues hospedam-se aqui regularmente, e fica lotado durante os festivais de música.

Para o clima de verão abafado e música ao vivo que é ao mesmo tempo melancólica e inspiradora, não deixe de visitar Clarksdale no segundo fim de semana de agosto para o festival de gospel e blues Sunflower River, que acontece no centro da cidade. Em meados de outubro, quando o algodão está alto, visite o festival literário Mississippi Delta Tennessee Williams. Williams, famoso por obras-primas como À margem da vida e Um bonde chamado desejo, cresceu em Clarksdale.

Essa ideia de viagem pode ser encontrada em:

1.000 lugares para ver nos Estados Unidos & no Canadá antes de morrer©

Para informações completas sobre os locais mencionados aqui, além de muitas outras ideias de viagens nos Estados Unidos, veja o best-seller de Patricia Schultz.

Bem-vindo ao Descubra a América!

Agora que se inscreveu, você pode guardar ideias de viagem na sua mala.

Comece a explorar

Digite o seu e-mail e nós lhe enviaremos um link para redefinir a sua senha.

Verifique o seu e-mail.

Comece a explorar

A senha da sua conta foi alterada com êxito. Use a sua nova senha para fazer login.

Comece a explorar