Este website usa Cookies para oferecer uma melhor experiência de navegação. Saiba mais sobre como usamos os Cookies.

x
OK
USA Radio
agosto 17, 2014

O Grande Oeste Americano


Se você olhar um mapa dos Estados Unidos verá que as características mais interessantes estão nas fronteiras entre os Estados. Em uma viagem, no mês passado, visitamos alguns dos mais emblemáticos exemplos desse fenômeno…começando com uma das peças chave do National Park System (Sistema de Parques Nacionais).

O Parque Nacional de Yellowstone (Yellowstone National Park) atravessa a fronteira Wyoming-Montana-Idaho, apesar da maior parte dos seus 8800 quilômetros quadrados ficarem no Wyoming. É o Parque Nacional mais antigo do mundo e um dos locais mais singulares do continente, senão do planeta. As forças vulcânicas borbulhando logo abaixo de sua superfície dão origem a mais de mil gêiseres e fontes de água mineral, incluindo o maior gêiser ativo do mundo (Steamboat) e possivelmente o mais famoso (Old Faithful). Sem contar os hectares de floresta, dúzias de picos das Montanhas Rochosas, centenas de cachoeiras monumentais e espécies de plantas e animais de raro valor—tudo isso faz do Yellowstone um dos principais destinos turísticos dos Estados Unidos.

Olhando para o lado oposto de Wyoming, na sua fronteira com Dakota do Sul, a paisagem não é menos impactante. Nos Black Hills, região Oeste de Dakota do Sul, envolto por picos escarpados e florestas de pinheiros e abetos, fica o Memorial Nacional do Monte Rushmore (Mount Rushmore National Memorial), um dos locais mais emblemáticos dos Estados Unidos.  A região de Black Hills é um perfeito microcosmo que merece semanas de exploração; contudo siga alguns quilômetros para o leste e você se deparará com um mundo completamente diferente: o Parque Nacional Badlands (Badlands National Park). Lá, milênios de erosão natural moldaram uma paisagem de montes e espirais, pincelada por faixas de luminosas rochas sedimentares. Destacadas contra o pano de fundo das planícies vizinhas essas características ficam ainda mais surpreendentes.

Um contraste semelhante fica ao norte, um pouco a leste da fronteira Dakota do Norte-Montana. O parque Nacional Theodore Roosevelt (Theodore Roosevelt National Park), como sugere seu nome, preserva parte da herança pública do 26º presidente dos Estados Unidos, com seu Rancho Elkhorn localizado dentro dos limites do Parque. Roosevelt vinha a essas terras selvagens de Dakota do Norte para caçar búfalos no final do século 19. Hoje o Parque Nacional é um importante habitat para o búfalo na medida em que a espécie é reintroduzida no oeste. Além da vida selvagem, a principal característica do parque é o Rio Little Missouri, que o corta ao meio, assim como os impressionantes penhascos que ele esculpiu na paisagem. Chegando a este canto do país, prepare-se para admirar lindos céus, vastas paisagens e ouvir grandes histórias.

Gostaríamos de agradecer ao National Park Service por tornar esta viagem possível. Para saber mais sobre estes e outros espetaculares Parques Nacionais dos EUA, acesse  www.nps.gov.

Scott Sporleder- Cineasta, Amante da Vida ao Ar Livre e Diretor de Produções 



Bem-vindo ao Descubra a América!

Agora que se inscreveu, você pode guardar ideias de viagem na sua mala.

Comece a explorar

Digite o seu e-mail e nós lhe enviaremos um link para redefinir a sua senha.

Verifique o seu e-mail.

Comece a explorar

A senha da sua conta foi alterada com êxito. Use a sua nova senha para fazer login.

Comece a explorar