Skip to main content

O charme e a história do sul de “Bluff City”

Memphis, localizada no canto sudoeste do Tennessee, fica no topo de um penhasco a apenas alguns quilômetros de distância da linha do estado de Mississippi. Como em quase todos os lugares do Delta do Mississippi, a cidade tem uma história racial e econômica singular que ainda é palpável em sua cultura de hoje, e é claro que exala o charme e a hospitalidade tradicionais do sul. Visite qualquer museu ou antiquários de Memphis (e há muitos!), e você será recebido como se fosse um membro da família.

Memphis é o berço do blues, onde cresceu o rock ‘n roll e foram feitas manifestações importantes na luta pelos direitos civis. Essa história viva é revelada naturalmente durante um passeio rápido por Graceland, o último lar de Elvis Presley, ou em uma visita ao National Civil Rights Museum, situado no local em que Martin Luther King Jr. foi assassinado. As atrações e os marcos históricos que dão personalidade e identidade à “Bluff City” agora se misturam a novos empreendimentos residenciais e comerciais e edifícios históricos restaurados.

 

Vida selvagem urbana

A Memphis moderna tem muitas atrações para oferecer, especialmente para os amantes dos animais. The Peabody, um famoso hotel cinco estrelas em Memphis, é o lar de uma brigada régia de patos vivos que passam seus dias tomando banho perto da fonte do lobby do hotel. As multidões se reúnem diariamente às 11h e às 17h para observar as criaturas em sua marcha cerimoniosa de sua cobertura para a fonte (e vice-versa no início da noite). O Silky O’Sullivan’s Pub, localizado no centro da Beale Street, serve um ótimo churrasco, mas a atração principal são as cabras que adoram cerveja. Sente-se do lado de fora e observe as cabras subirem a torre das cabras e se empanturrarem de cerveja. E o impressionante Shelby Farms Park Conservatory é uma prisão convertida em fazenda de 1.820 hectares que foi projetada pela equipe responsável pelo Highline da cidade de Nova York.

 

Música local

E depois temos a Beale Street repleta de luzes de neon, onde grandes nomes como Louis Armstrong e B.B. King começaram. Em 1977, o Congresso dos Estados Unidos reconheceu oficialmente a Beale Street como a “Casa do Blues”. Para uma dose quintessencial da Beale Street, vá ao Silky O'Sullivan's ou ao B.B. King's; para experimentar Memphis como um residente, termine sua noite no The Blue Worm. Aqui, os verdadeiros veteranos da cena juke da cidade tocam às sextas-feiras e aos sábados até tarde da noite. Como a maioria das atrações que atraem pessoas para Memphis, o blues reflete a alma e a personalidade tão profundamente enraizadas na história da cidade. Os amantes da música também vão gostar de visitar o Memphis Rock n’ Soul Museum (administrado pelo The Smithsonian Institution) e o Stax Museum of American Soul Music, que fica no local do estúdio de gravação original Stax, onde grandes nomes como Otis Redding gravaram sua música.

Fato interessante

The gracious entry to Elvis Presley’s famed Graceland
View More

Elvis Presley’s Graceland is the second most visited historic home in America, after the White House.

The Memphis skyline
View More

According to “Billboard” magazine, the name of the City “Memphis” is in over 1,000 song lyrics and titles, more than any other name of a city in the world.

Sun Studio, where rock n’ roll was born
View More

In 1954, Elvis Presley recorded “That’s All Right, Mama” at Sam Phillips’ Sun Studio, 706 Union Avenue making Memphis the “Birthplace of Rock ’n’ Roll”.

Hot Air Balloon over Asheville, North Carolina
View More

ExperiênciaMemphis

Ver mais experiências

Próximos eventos

Explorar mais